ALCKMIN DÁ INÍCIO À RECUPERAÇÃO DA SP-270 E MADALENA VÊ MAIS UMA ETAPA DE SEU TRABALHO CUMPRIDA


 

Deputado Ricardo Madalena durante reunião no Palácio dos Bandeirantes com o prefeito de Ourinhos, Lucas Pocay, o governador Geraldo Alckmin  e o secretário dos Transportes, Laurence Casagrande, em 16 de fevereiro de 2018

“É com a sensação do dever cumprido e sabedor de que todo o esforço valeu a pena que vejo hoje o governador Geraldo Alckmin assinar a Ordem de Serviço para o início das obras da Rodovia Raposo Tavares. Quero agradecer a todos que junto comigo participaram dessa luta. A Nova  Raposo começa agora”. Essa foi a mensagem do deputado Ricardo Madalena – ainda se convalescendo da cirurgia da apendicite, em um hospital de Botucatu -, logo após a assinatura da Ordem de Serviço pelo governador Geraldo Alckmin, que ocorreu em Ourinhos, na manhã deste sábado, 17/03, dando assim início às obras da primeira etapa do empreendimento para modernização da Rodovia Raposo Tavares (SP 270), com quatro lotes no total de 77,6 quilômetros de extensão, sendo 23,86 quilômetros de duplicação em benefício de 185 mil habitantes.

A luta do deputado Ricardo Madalena, presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Duplicação da SP-270, começou bem antes de seu mandato como parlamentar. Ela teve início em 2007, quando assumiu o cargo de Superintendente do DNIT/SP (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes). Foi durante sua gestão que a Superintendência do DNIT de São Paulo foi considerada a 1ª no Ranking Nacional em Desempenho, por dois anos consecutivos.

Durante o evento, o prefeito Lucas Pocay fez questão de lembrar a importância do trabalho do deputado Ricardo Madalena: “O primeiro grande responsável (pela obra) é o dep. Estadual Ricardo Madalena. Ele teve de passar por uma cirurgia, mas está tudo bem. Infelizmente ele não pôde estar presente neste dia tão importante. Este deputado lutou por muitos anos e junto com o governador Geraldo Alckmin nós estamos concretizando este grande sonho”.  Ao citar o deputado, houve uma grande salva de palmas da platéia presente na cerimônia.

Em seguida, foi a vez de o governador Geraldo Alckmin lembrar da luta e do trabalho do deputado Ricardo Madalena:  “Deputado Ricardo Madalena, parabéns pelo seu trabalho. Pela sua luta. O engenheiro  Ricardo Madalena, um expert em rodovias, sempre trabalhou muito pela obra, acompanhou todo o processo. Tem de fazer licenciamento ambiental, aprovação em órgão externo de financiamento… é um trabalho longo, mas coroado de êxito. E hoje se inicia a obra.”

 

*Início de obras – Nesta primeira etapa, que terão início em março e conclusão prevista para setembro de 2019, os consórcios vencedores realizarão intervenções no segmento rodoviário entre as cidades de Piraju, Bernardino de Campos, Ipaussu, Chavantes, Canitar e Ourinhos. As obras serão executadas em quatro lotes: Lote 1: do km 295,4 ao km 329,8; Lote 2: do km 329,9 ao km 345,3; Lote 3: 345,4 ao km 357,1 e Lote 4: do km 357,1 ao km 373.

Obras a serem executadas:

  • Duplicação de 23,86 km (do km 348,86 ao km 372,72);
  • Implantação de 5,58 km de faixas adicionais (4,69 km na pista direita e 0,89 km na pista esquerda);
  • Implantação de uma rotatória e dois novos viadutos,
  • Melhorias em seis dispositivos, sendo cinco rotatórias existentes e um viaduto.

As melhorias viárias que serão implantadas na Rodovia Raposo Tavares entre Piraju e Ourinhos ampliarão a capacidade de tráfego e as condições de segurança, elevando os níveis de conforto para o mais de sete mil motoristas que utilizam a via diariamente. O investimento ainda contribuirá para impulsionar o desenvolvimento socioeconômico da região, com maior desenvoltura no escoamento da produção agrícola, industrial e no deslocamento da população da região. As obras gerarão ainda 1.240 novos postos de emprego, entre 310 vagas diretas e 930 vagas indiretas.

Modernização da SP 270 – As obras para modernização da SP 270 são divididas em oito lotes e que cobrirão 204 quilômetros da rodovia, entre os municípios de Itapetininga e Ourinhos. Estão previstas a duplicação de 50,4 quilômetros, implantação de 122,7 quilômetros de terceiras faixas (em ambos os lados da rodovia), recuperação de 153,5 quilômetros de pistas simples e acostamentos, e revitalização completa da sinalização. O DER implantará também 21 novos dispositivos de acesso, e outros 14 dispositivos existentes receberão melhorias e aprimoramentos. Também serão construídos três novas passarelas e um viaduto.

O processo licitatório dos últimos lotes do empreendimento, entre as cidades de Itapetininga a Angatuba, segue em análise e tão logo seja convalidado pelos agentes financiadores, o DER partirá para a fase de assinatura dos contratos, ação que efetivará o início de obras.

*Site Governo de São Paulo

 

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *